Arima Olsen, uma Estação de Água termal Japonesa.

Para chegar a Arima Olsen e conhecer essa linda cidade com águas termais, você pegará o trem em Kobe.

Kobe é uma cidade a beira do mar e é conhecida pelo famoso Kobe Beef, você pode fazer os banhos em Arima Olsen e depois, se tiver animado experimentar essa iguaria em Kobe, mas lembre-se, você não necessariamente precisa comer o Kobe Beef em Kobe. No Japão o Kobe Beef está presente em várias cidades. Nós experimentamos em Osaka. Mas já te adianto, o preço é um ABSURDO, e juro, prefiro nossa Picanha.

Como chegar:

Em Osaka Station, pegue o trem para Shin Kobe, de lá, pegue o metrô até Taniguami (8 min), faça uma troca de linha e vá para Arimaguchi (11 min) e troque novamente e mais 4 min até Arima Olsen. Total 740 yen.

Arima Olsen é uma autêntica cidade japonesa, conhecida pelos banhos termais (Hot spring).

As fontes termais tiveram suas nascentes descobertas em uma época que não havia qualquer tecnologia de escavação. Sua água contém sete substâncias, por isso o Ministério do Meio Ambiente a definiu como uma fonte médica.

É a mais antiga área termal do Japão, os vapores saindo do solo, foram encontrados antes do século VIII.

As principais fontes termais são:

Kin-sen é uma fonte termal que contém uma grande quantidade de solução salina e de ferro. Conhecida como Golden Bath tem uma cor dourada.

O Gin-sen é clara, transparente e é bom para a má circulação, dor nas costas, dor muscular, doença de pele,queimaduras, pressão arterial alta, doença de coração funcional. Esse é o Silver Bath.

Ambos são bem quentes, a temperatura da água é superior a 50o C.

A região possui várias casas de banho e alguns hotéis também oferecem esse serviço, mesmo para quem não é hóspede, uma excelente dica é o Gran Hotel Arima.

Muitas pessoas passam a semana na cidade fazendo os banhos, a indicação é cada dia ir a uma casa de banho, pois dessa forma você terá acesso a todas as substâncias minerais.

Outra coisa interessante é a forma como os japoneses tomam banho, sempre sentados num banquinho de madeira bem baixinho. São chuveiros independentes, separados por uma meia parede de mármore, mais tudo bem baixo.

A recomendação é tomar um banho morno antes de entrar nas banheiras, e entrar primeiro abaixo do peito e depois de alguns minutos entrar totalmente. A água quente e os minerais que ela possui abaixa a pressão. Não tomar mais do que três banhos por dia e nunca ficar muito tempo.

Se você quiser ter uma autentica experiência dos banhos japoneses, recomendo uma visita a Arima Olsen. A Cidade além de linda (dê uma olhada na foto do córrego que corta a cidade, na capa deste post) tem ótimos lugares para comer e você volta para casa super-relaxado.

O Paulo não curte esses banhos termais, então enquanto eu fui fazer o meu, ele ficou tomando uma cerveja e aproveitando a cidade.

Não é caro e vale a experiência.

Beijos e até a próxima e última cidade do Japão, Ishigaki.

Anúncios

Um comentário em “Arima Olsen, uma Estação de Água termal Japonesa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s